quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

 
Se eu pudesse, eu fugia. E não pensava duas vezes.
 

Sem comentários:

Enviar um comentário