sábado, 2 de junho de 2012

Almas perdidas são estrelas que deixam de brilhar no céu. Tantas almas perdidas e a noite a perder a luz, quebrei uma estrela.
Os corações a partir, a cortar por dentro e os cristais partidos a deslizar pelo rosto, a encher a dor.

Enchi metade de mim desses cristais e a outra metade de estrelas que roubei do céu, apagadas.

Sem comentários:

Enviar um comentário