quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010

E ando...

Caminho no escuro sem saber onde ir, sem direcção possível, faço coisas que não quero, digo tudo sem pensar!
Vêem o olhar em mim, e não mostra o que realmente devia ser, e continuo, sem saber onde ir, sem saber o que fazer, e as coisas que se passaram, não poderei mudar, nunca, mas continuo a andar, mesmo sem direcção , mas ando... sem direcção, e de tanto não saber onde ir e o que fazer, as estrelas guiam-me, elas estarão sempre lá...


Sem comentários:

Enviar um comentário